Suspeito de matar funcionário por causa de intervalo para café é preso temporariamente

Compartilhar
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram

Nessa quinta-feira (9), em São Leopoldo (RS), o homem suspeito de matar Marcelo Camilo, 36 anos, se entregou à Polícia Civil do estado e foi preso temporariamente.

O caso aconteceu na última segunda-feira (6), nas instalações da empresa Sulcromo, que atua na produção de revestimentos. A vítima foi atingida no tórax por uma ferramenta de trabalho. Segundo a corporação, a vítima foi socorrida e levada ao Hospital da Unimed de São Leopoldo, no entanto, morreu após uma parada cardíaca.

De acordo com o delegado André Serrão, o homem alegou que após um desentendimento, a vítima avançou para cima dele e acabou sendo atingida de forma acidental. Inicialmente, os investigadores trabalhavam com a hipótese do crime ter sido motivado por conta de discussão sobre intervalo para tomar café. A polícia ainda não descarta a possibilidade.

O suspeito ficará preso temporariamente por 30 dias. Durante este período, a polícia continuará a investigar o caso.

Ultimas notícias