Em São Paulo, adolescentes são suspeitos de dopar e estuprar colegas da escola

Compartilhar
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram

Em São Paulo, nesta quinta (2), foi registrado uma ocorrência onde oito adolescentes são suspeitos de dopar e estuprar três colegas de uma escola situada na Zona Leste da capital. O crime foi gravado pelos garotos e compartilhado com os amigos, eles utilizavam o material como um meio de chantagem com as vítimas.

Segundo a polícia, todos os adolescentes estudam na mesma escola e os abusos aconteciam na casa de um deles, que estivesse vazia.

A mãe de uma das vítimas, ao reconhecer a filha em um dos vídeos procurou uma delegacia para realizar uma denúncia.

Segundo informações, uma das vítimas ainda contou a mãe que tentou impedir os abusos, mas “o menino dizia que ia fazer com carinho” e, após negar, outros dois adolescentes entraram no quarto. “Um deles chegou a falar que, se ela contasse para alguém, ia falar para mim (a mãe dela), que ela estava cabulando e iam difamá-la para a escola inteira”, disse.

 Todos os adolescentes que participaram do crime têm 12 e 15 anos.

Ultimas notícias