Valença: “Viúva-negra” será julgada em 13 de junho

Compartilhar

Julgamento é aguardado pela sociedade valenciana

Mariele de Jesus – a Viúva-Negra, acusada por criminosos, pelo Ministério Público e pela família de planejar e pegar pela morte do marido, o empresário Liel de Jesus, será julgada no próximo dia 13 de junho nas dependências do Fórum Gonçalo Porto em Valença, Baixo Sul da Bahia.

Além de Mariele, também compõem como réus no processo o assassino do empresário, Constantino Pereira e Ezequiel Conceição da Silva, amante de Mariele e acusado por Constantino de saber da articulação assassina.

Foto – arquivo

Durante as audiências que precederam o caso, ficou clarificado para o poder Judiciário sobre o envolvimento de Ezequiel nas ações, o que levou o Ministério Público a pedir a inclusão do nome do amante como réu do caso.

A grande expectativa para o público é o depoimento de Mariele, que será acusada pelo advogado da família, pelo Ministério Público e até hoje tem se mantido calada nas audiências, restando a Constantino o papel de elucidar os fatos.

Testemunhas também seguem sendo intimadas para prestar depoimento ao júri, que decidirá pela condenação ou absolvição dos acusados.

Ultimas notícias