Search
Close this search box.

MG: Duas crianças gêmeas morreram após ser esmagadas por fogão

Compartilhar

A mãe dos bebês foi presa

A cidade de Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, registrou uma tragédia na tarde dessa quinta (7). Duas crianças gêmeas, de um ano e cinco meses, morreram esmagadas por um fogão.

A mãe dos bebês — identificados como Yan e Matheus — foi presa acusada do crime de abandono de incapaz. Se condenada, pode pegar até três anos de cadeia.

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, a mulher, de 20 anos, teria deixado as duas vítimas sozinhas em casa no bairro Sônia, por volta de 12h30, para levar outros dois filhos mais velhos à casa da avó para almoçar.

Três horas depois retornou e encontrou os dois bebês debaixo do fogão e sujos de óleo, que estava dentro de uma panela. Segundo a mãe, a gordura não estava quente.

Segundo a perícia da Polícia Civil, a possível causa da morte foi a queda do fogão em cima dos bebês, já que ambos apresentavam marcas idênticas no tórax.

A tia das vítimas acionou a PM. Em depoimento, a avó das crianças informou que, após se deparar com os bebês sob o fogão, a filha chegou na casa dela com um deles no colo para se certificar se a criança estava viva ou morta. Ao ver que o irmão gêmeo também havia falecido, saiu da residência e ficou aguardando os policiais militares. Populares queriam linchar a mulher.

O pai das crianças se deparou com a tragédia ao chegar do trabalho. Ele disse que a esposa “corrigia os bebês de forma firme, mas sem maus-tratos”, conforme boletim de ocorrência.

Fonte: Metrópoles

Ultimas notícias