Search
Close this search box.

Idoso comemora aniversário de 116 anos em Camamu: ‘Ainda cai na farra’

Compartilhar

Joaquim Bispo da Conceição tem quatro filhos e mais 52 descendentes, entre netos, bisnetos e tataranetos. Festa aconteceu em Camamu, no sul do estado

Prova de que a Bahia é terra de centenários, um idoso baiano completou 116 anos de vida na quarta-feira (15). A celebração aconteceu neste domingo (19), junto a amigos e parentes na casa dele, no povoado de Barcelos do Sul, em Camamu, município no sul do estado.

O aniversariante é Joaquim Bispo da Conceição, nascido em 1908. Cheio de vitalidade, teve quatro filhos e outros 52 descendentes:

  • 29 netos
  • 15 bisnetos
  • 8 tataranetos

“As pessoas olham pra ele e nem pensam que ele tem essa idade”, disse Maria Domingas dos Santos, uma das filhas de Joaquim.

Atualmente, ela cuida do pai, mas garantiu à equipe de reportagem que ele é um idoso ativo. Segundo Domingas, o homem só deixou de fazer a própria comida porque ela não deixa.

“Graças a Deus, ele vive bem. Não é um homem doentinho. Não tem diabetes, não tem colesterol [alto], não tem anemia, não tem nada. Quando acha, ainda cai na farra”.

Para celebrar a longa vida cheia de saúde, a família organizou uma festa no sítio onde vive. Amigos e outros parentes participaram do momento.

Estado com maior número de centenários

Não é mera impressão. O Censo de 2022, divulgado no ano passado, mostrou que a Bahia era o estado brasileiro com o maior número de pessoas centenárias.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), até aquele ano havia 5.336 pessoas com 100 anos ou mais vivendo em terras baianas. São dados que refletem o índice de envelhecimento da população em algumas cidades.

Em cinco municípios, chegava a ter mais idosos do que crianças. Foi o caso constatado em Abaíra, Jussiape, Jacaraci Guajeru e Ibiassucê.

FONTE: g1 BA

Ultimas notícias
810033418147421486