Ex-tesoureira e marido suspeitos de desviar quase R$ 1 mi da Prefeitura de Capetinga são presos

Compartilhar

Um casal foi preso nesta quinta (14), pela Polícia Civil de Caldas Novas, no sul de Goiás, ambos eram considerado foragido de Minas Gerais. Os dois são suspeitos de desviar quase R$ 1 milhão da Prefeitura de Capetinga/MG, onde a mulher era tesoureira da Secretaria de Finanças. Segundo informações, o delegado da operação Tiago Fraga teve o braço esquerdo machucado pela mulher, que resistiu à prisão.

“Eles entraram no apartamento e batemos na porta. Eles viram que não tinham como sair, mas não queriam ser presos. A mulher estava mais alterada e tentou impedir a prisão o tempo todo. Tivemos que usar força e algemas para fazer a contenção”, detalha o delegado.

A ex-tesoureira Juma de Melo Silva e o marido Dênio Antônio Faleiros tinham mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça de Minas Gerais desde janeiro deste ano e eram procurados pela polícia.

Com a investigação, o delegado descobriu que o casal estava residindo em um apartamento alugado em Caldas Novas há quase 8 meses. A polícia obteve informações de que, o casal iria se mudar do apartamento em poucos dias, o que fez os agentes anteciparem a operação para prisão dos dois.

Segundo o delegado, que o homem foi levado para o presídio de Caldas Novas e a mulher para a penitenciária feminina de Corumbaíba.

Ultimas notícias