Search
Close this search box.

Com direito a farda personalizada e ‘departamento’, bichano faz sucesso em delegacia

Compartilhar

A roupinha personalizada deixa em evidência a importância do funcionário: ‘delegato’ é o título que estampa o brasão. Há alguns meses, quem procura atendimento na Delegacia de Polícia Civil de Americana (SP) é surpreendido pelo jeito sorrateiro e cheio de charme do agente de quatro patas.

Bartolomeu, que há poucos meses vivia na rua, é o nome do gatinho que tem dado um tom especial à rotina de investigações da unidade. Chegou em uma madrugada de março, ferido e faminto, e foi acolhido pelos policiais. Segundo a delegada Regina Castilho, o bichano foi tão bem tratado que acabou voltando. Ganhou comida, carinho e boa vida.

“Cada um foi trazendo uma coisa. Delegado, plantonista, funcionários que trabalham aqui. A ração nós já tínhamos por tratar de outros animais e foi dando pra ele também. Na falta, os policiais também compram, fazem vaquinha”, comenta. Teve até consulta com veterinário. Foi castrado e recebeu todos os cuidados que não tinha nas ruas.

Um dia decidiu ficar de vez e agora não sai mais da delegacia. Pela manhã, nos dias frios, curte o sol que bate na escada. Quando não está descansando, faz plantão. Uma ronda básica pela delegacia para ver se está tudo bem. Depois de verificar o lado de dentro, dá uma sondada lá fora.

“Ele é a coisa mais fofa. Os meninos cuidam super bem dele. Tem atenção sempre, tem água sempre. Quem resiste a um gatinho?”, questiona a enfermeira Isabela Costa.

Bartolomeu até ganhou um departamento fictício. É chefe da ‘Delegacia de Proteção Animal’, como mostra o uniforme. “De dia ele fica com a roupinha e [a gente] tira a noite porque ele sai muito, volta. Aqui na delegacia ele conhece o prédio inteirinho. Ele anda, volta, sai, mas nunca sai daqui da frente, do atendimento ao público”, comenta o servidor Jota Silva.

Via: G1

Ultimas notícias
810033418147421486