segunda-feira, 29 de novembro de 2021

MENU
Apple e Samsung são notificadas por não entregarem carregador
Foto: Karlis Dambrans/Shutterstock
27.out.2021 às 16h33

Atualizado: 29.out.2021 às 17h21

Apple e Samsung são notificadas por não entregarem carregador
Apple e Samsung são notificadas por não entregarem carregador
Foto: Karlis Dambrans/Shutterstock

O Ministério da Justiça e Segurança Pública notificou Apple e Samsung para darem explicações sobre o fato de ainda não fornecerem carregadores junto de seus celulares. A notificação foi enviada pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), que integra a pasta federal.

A informação foi divulgada nesta quarta-feira (27) pelo site TechTudo, que explicou que as empresas devem se posicionar oficialmente sobre o assunto em até 15 dias. As marcas devem informar para o governo se possuem ou não o interesse em readequarem a política comercial no Brasil.

Se Apple e Samsung se recusarem a darem mais detalhes sobre a questão ou até se não responderem à notificação, um processo administrativo poderá ser instaurado.

A Senacon já havia pedido explicações para as companhias em novembro do ano passado. A entidade acabou não aceitando a justificativa e chegou a propor um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

Imbróglio com carregadores

A confusão acerca dos carregadores começou com o iPhone 12, que foi apresentado em outubro de 2020. Na época, a Apple confirmou rumores e explicou que o aparelho não viria com carregadores dentro da caixa por “questões ambientais”.

A Samsung não ficou para trás e também parou de enviar o acessório para os clientes que compraram o Galaxy S21. Só que diferente da concorrente, a sul-coreana chegou a realizar um acordo com o Procon para oferecer uma ação promocional onde os clientes poderiam se cadastrar para receber o equipamento.

No comunicado da Senacon enviado ao TechTudo, a instituição diz que a sul-coreana “ao menos” adotou uma “uma campanha por um curto período em que o consumidor, caso tivesse interesse, poderia solicitar o envio de um adaptador de tomada diretamente à empresa, ao contrário da Apple, que não apresentou qualquer política transitória ou disponibilização gratuita de tais adaptadores”.

Fonte: TecMundo

Deixe o seu comentário

Recomendadas pra você