Esporte

Cristiano Ronaldo causa prejuízo de 4 bilhões de dólares à Coca-Cola

Fonte: Reprodução

A Coca-Cola não teve o melhor início de semana. Após ver Cristiano Ronaldo tirar da frente duas garrafinhas do refrigerante na entrevista coletiva de Portugal ontem (14) na Eurocopa, a empresa apresentou uma perda de US$ 4 bilhões em valor de mercado logo após a atitude do português, O jornal “Marca”, da Espanha, afirma que a queda aconteceu 30 minutos depois do fim da entrevista coletiva de Cristiano Ronaldo.

Durante coletiva de imprensa da Eurocopa realizada nesta segunda-feira, o português Cristiano Ronaldo moveu duas garrafas de Coca-Cola que estavam sobre a mesa. Após afastar o frasco do refrigerante, o craque pegou uma garrafa de água e fez gestos dando a entender que o correto é beber água, não refrigerante.

No ano passado, Cristiano Ronaldo já tinha criticado o consumo de refrigerantes ao falar sobre a alimentação de seu filho mais velho, Cristiano Ronaldo Júnior, de 10 anos.

“Sou duro com ele, às vezes, porque ele bebe Coca-Cola e Fanta. Eu fico irritado com ele quando ele come batata frita e tudo mais, e ele sabe que eu não gosto. Até meus filhos menores, quando eles comem chocolate, sempre olham para mim”


Disse CR7

Fonte: Uol

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo