Notícias

Bahia tem três cidades entre as mais violentas do mundo, segundo ranking internacional

A Bahia tem três cidades entre as mais violentas do mundo, de acordo com um levantamento feito pelo Conselho Cidadão para a Segurança Pública e Justiça Penal, do México. O ranking, que foi divulgado nesta semana, é baseado no número de homicídios por 100 mil habitantes. Outras 11 cidades brasileiras entraram na lista.

Feira de Santana fica em 9º lugar como 67,46 homicídios por 100 mil habitantes. Outra cidade baiana que aparece no ranking é Vitória da Conquista em 20º (52,47). Já Salvador é a 28ª (46,80) mais violenta.

A maior cidade da Bahia não é a única capital brasileira entre as 50 mais violentas. Fortaleza é a 12º (62,28) menos segura. 

Também figuram na relação Mossoró-RN (13ª, 62,21), Rio Branco-AC (33ª, 41,85), Maceió-AL (36ª, 39,40), Recife-PE (37ª, 38,50), Caruaru-PE (42ª, 36,41), Natal-RN (46ª, 35,09) e Teresina-PI (48ª, 34,79).

O Conselho elogiou o combate à criminalidade no Brasil ao comparar com as políticas públicas do México. Na lista divulgada em 2018, havia 14 cidades brasileiras. Por quatro anos consecutivos, a cidade mexicana de Celaya é a mais violenta.

“Em 2019, os homicídios no Brasil diminuíram 19% e, apesar de um repique de 5% em 2020, a tendência geral continua sendo de queda na violência. A taxa média para as cidades brasileiras incluídas nesta edição é de 47,27 por 100 mil habitantes, enquanto a taxa média para as 18 cidades mexicanas foi de 67,09. A razão deste progresso é que eles aplicam políticas de controle do crime opostas àquelas aplicadas no México: nenhum entendimento com os bandidos, reduzindo a impunidade, não jogando o dinheiro do contribuinte no lixo com subsídios que na verdade são para comprar votos”, destacou.

Fonte: BNews

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo