Notícias

Trabalhadores da Ford se reúnem em assembleia e protestam contra fechamento da montadora

Mesmo abaixo de forte chuva na manhã desta terça-feira (12), os trabalhadores da Ford se reuniram em assembleia com o Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari, em frente ao prédio da montadora, que anunciou o fim das operações no Brasil. A empresa tinha 20 anos atuando no município da região metropolitana de Salvador.

O ato buscava discutir os próximos passos que a categoria deve dar. Em nota, o sindicato informou que tenta reverter o quadro em negociações com a Ford, ao mesmo tempo em que luta por indenizações justas para os trabalhadores, devido a insistência da empresa em encerrar as operações.

“A direção do Sindicato deixou claro que continua em busca de negociação para reverter esse quadro dramático e garantir a manutenção da fábrica e dos postos de trabalho. Mas, diante da insistência da Ford em fechar a unidade, o Sindicato vai também lutar por uma negociação que assegure uma indenização justa aos milhares de pais e mães de família que estão com o emprego em risco”, diz a nota.

Após a assembleia, os metalúrgicos saíram em carreata até o centro de Camaçari em protesto contra a multinacional.

Com informações do Bahia.Ba

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo