Notícias

Após participar de nova audiência sobre a morte do marido Flordelis afirma ser inocente

A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) que é suspeita de ter sido a mandante da morte do pastor Anderson do Carmo participou na tarde desta sexta-feira (27/11) de uma audiência sobre o caso no Fórum de Niterói, no Rio de Janeiro.  Ao chegar ao edifício, ela afirmou mais uma vez que é inocente “Com certeza. Mais uma vez (vou defender que sou inocente)”, disse rapidamente aos jornalistas, ao chegar à 3ª Vara Criminal.

A deputada e outras sete pessoas, inclusive filhos adotivos e biológicos, além de uma neta dela e do pastor, são réus no caso. Apenas a parlamentar aguarda em liberdade assistida, sendo obrigada a usar tornozeleira eletrônica. Os demais envolvidos estão presos preventivamente. A deputada Flordelis chorou ao ver a chegada dos familiares presos.

A primeira testemunha foi uma nora da deputada, identificada como Luana Rangel. A mulher confirmou parte da acusação contra a sogra e disse, ainda, que o pastor sabia do plano para matá-lo. Na primeira audiência, em 13 de novembro, foram ouvidas cinco testemunhas de acusação, incluindo os delegados Bárbara Lomba e Allan Duarte, que investigam o caso.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo