Notícias

Mais de 500 candidatos milionários estão recebendo auxílio emergencial e Bolsa Família

Políticos declararam patrimônio acima de R$ 1 milhão no Tribunal Superior Eleitoral

Mais de 500 candidatos nas eleições 2020 com patrimônio declarado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), receberam auxílio emergencial ou Bolsa Família neste ano. O levantamento realizado pelo Uol cruzou os dados públicos dos candidatos nestas eleições municipais com as folhas de pagamentos dos benefícios pagos pelo governo federal em maio e junho.

Procurados pela reportagem, alguns candidatos alegaram ter os seus dados utilizados indevidamente e que não solicitaram os benefícios. Outros candidatos confirmaram ter solicitado a participação nos programas federais.

Esse é o caso de Kinho Pancotte (PL), candidato à Prefeitura de Itapuca, no Rio Grande do Sul. Pancotte é agricultor e declarou à Justiça Eleitoral ter mais de R$ 8 milhões em patrimônio, incluindo três propriedades rurais avaliadas em mais R$ 1 milhão cada uma.

O candidato alegou ter solicitado o auxílio de R$ 600 por ter sido prejudicado pela pandemia. “O governo liberou para produtor rural, não é? Eu tive uma quebra de safra grande neste ano. Resolvi pedir”, contou a reportagem. Entre maio e agosto, Pancotte recebeu R$ 1.800 em auxílios emergenciais.

O candidato a prefeito de Bebedouro, em São Paulo, Mestre Rodrigo (Psol), declarou patrimônio de R$ 1 milhão à Justiça Eleitoral. O socialista disse que boa parte desse montante é composto por “valor sentimental” que ele tem sobre sua academia e que ele recebeu o benefício por ter direito.

Outros candidatos receberam o Bolsa Família, como é o caso da candidata a vereadora em Mimoso de Goiás, Jania de Seu Geraldo (PSL), que recebeu três parcelas de R$ 179, neste ano, apesar de não ter sacado nenhuma delas. Ela declarou ter R$ 1,2 milhão em bens à Justiça Eleitoral, incluindo três carros. A candidata admitiu que foi beneficiária do programa, mas alegou não ser mais.

Via Bahia.Ba

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo