Saúde

06 pacientes se recuperaram de Covid-19 no Baixo Sul

Com uma morte contabilizada pelo município de Nilo Peçanha, o território do Baixo Sul já conta com 6 recuperados da Covid-19, doença causada pelo novo vírus Corona. O primeiro caso de recuperação foi de um profissional da área de saúde em Gandu, que contraiu a patologia no interior de um hospital de uma cidade do território do Médio Rio de Contas. O mesmo em rede social comunicou sua melhora, que foi comemorada pelos ganduenses.

O segundo caso de recuperação ocorreu em Taperoá, onde o paciente zero (primeiro contagiado) recuperou-se com medicamentos naturais e também antibióticos receitados por profissionais médicos. “Usei chá de boldo, também agua morna com limão. Cortei açúcar de minha dieta e consegui me curar”, declarou João Assis.

Destaque também para Matias Ângelo, de Valença, que se curou após 14 dias utilizando medicamentos naturais apenas. Segundo o paciente zero da cidade, apenas uma crise de falta de ar foi constatada, mas sendo atendido no Pronto Socorro da Santa Casa conseguiu se reestabilizar.

A emoção também voltou a rolar em Taperoá, após a constatação de recuperação de uma senhora de 92 anos, sendo a primeira idosa do território a se recuperar da doença. Moradores aplaudiram a anciã que ainda segue com cuidados em razão da idade e por ainda não se conhecer o poder do vírus se tratando em retorno da doença.

Em Ituberá, o paciente zero recuperou-se após contrair o vírus em um hospital em seguida de uma cirurgia. A medicação do homem não foi revelada para Livre.

O sexto caso de cura foi notificado neste feriado de 1º de maio pela secretaria de saúde de Valença. Com isto a cidade polo do território possui 2 casos de cura.

As prefeituras da região comemoraram a recuperação de seus pacientes. Segundo os secretários de Saúde a fala é unânime no sentido de que o cuidado pela vida e pela saúde dos profissionais da área seguirá plenamente com investimentos incessantes.

Wellingthon Anunpciação

Jornalista Especialista em Comunicação Política

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo