Valença: Família se diz otimista perante recuperação de Cláudia Tomé

Segundo a irmã de Tomé ela não terá sequelas

A diretora do Colégio Estadual Gentil Paraíso Martins, em Valença, no Baixo Sul do estado, Cláudia Tomé, que sofreu um acidente vascular cerebral na última semana, passa bem e tem recuperação esperançosa segundo a família.

Em contato com o jornalista Wellingthon Anunpciação neste sábado (05) a irmã de Cláudia, Carine Tomé, escreveu por uma rede social que os médicos e familiares estão otimistas. “Os médicos estão otimistas, e nós também. Ela continua sedada e na UTI, pois é muito agitada, mas reage aos estímulos. Hj, por exemplo, abriu os olhos, apertou minha mão. Depois, apagou de novo. Continuemos orando (sic)”.

Questionada se Cláudia teria sequelas a irmã respondeu que não, e manifestou alegria.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo