_x0093_Vocês precisam de um mandado judicial_x0094_, diz diretora ao impedir jornalistas de visitarem unidade

Diretora da Creche Favo de Mel proibe jornalistas de fazerem conferência de denúncia realizada por funcionários da unidade

Os jornalistas Wellingthon Anunpciação e Raquel Oliveira, foram informados na manhã desta segunda (18) por um denunciante anônimo de que as creches do município de Valença se encontrariam sem merenda para atender a demanda de crianças dos estabelecimentos que proveem educação infantil, de pronto ainda na bancada do programa De Cara com a Verdade da Rio Una FM, foi firmado um compromisso de visitas surpresas nas unidades para constatação das informações.

A primeira unidade a ser visitada foi a Escola Municipal Eraldo Tinoco, dirigida por Marta Nogueira, que informou aos jornalistas que não havia merenda e encontrava-se aguardando o envio por parte da secretaria, em seguida na visita da Creche Favo de Mel, a coordenadora informou que havia merenda suficiente na unidade para servir aos alunos, e quando questionada sobre a possibilidade de vistas do armazém da creche a mesma fez contato com a diretora Simone Damásio que informou que para uma visita na unidade, especificamente para tratar de assunto da merenda era necessário a apresentação de um mandado judicial. “Você tem um mandado? Então não vai fazer nenhum tipo de inspeção. Esta é a orientação que eu recebi”, disse a gestora por telefone. “Faça o que você quiser”, respondeu, quando Anunpciação comentou sobre a possibilidade de entender que seria verídica a denúncia e levaria o fato para conhecimento público.

Gerência da Merenda Escolar confirma falta de merenda nas creches
Após a visita em diversas unidades, os jornalistas seguiram para o depósito da merenda escolar do município e foram atendidos pelo Gerente Municipal da Alimentação Escolar, Francisco Teixeira Lobo, que confirmou a falta de alimentação escolar apenas nesta segunda, apresentando a dupla todo estoque presente no espaço, inclusive na câmara frigorífica , que segundo ele esta sendo preparado para ser entregue nas primeiras horas da manhã desta terça (19). “Garanto que amanhã antes de meio dia todos os estabelecimentos, inclusive os da educação infantil estarão abastecidos. A educação infantil é uma meta prioritária”, prometeu Teixeira.
Teixeira recebe o jornalista Wellingthon Anunpciação e explica a logística e resolução da situação, causada pelo atraso de entrega de uma empresa.

Nota de desculpas
Após tomar ciência do fato à diretora de Ensino da secretaria municipal da Educação, Zenadia Lopes, emitiu pedido de desculpas aos jornalistas. “Devemos desculpas a vocês. Respeitamos o trabalho de vocês e esta não foi nossa orientação. Saliento ainda que, junto ao secretário Daniel Reis, estamos fazendo um digno e sério trabalho”, disse por telefone a representante do executivo.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo