Taperoá: Com estradas danificadas e sendo transportados por pau-de-arara, alunos da zona rural caminham mais de 2km e ficam a deriva


Em Taperoá, no Baixo Sul do estado, alunos da zona rural do município, localidade do Rio Negro, postaram nas redes sociais um desabafo sobre a situação, considerada humilhante, vivida pelos mesmos.
Segundo a aluna Yone Roma, em seu perfil da rede social facebook, os alunos caminham 2km para pegar o transporte, considerado inadequado para a segurança dos jovens por ser pau-de-arara, e ainda assim, na última segunda, ficaram a deriva na estrada pelas más condições.
“Nós temos que andar 2km para pegar o [transporte] pau-de-arara. Não fomos ao Colégio hoje. O prefeito de Taperoá, Rosival Lopes não tem capacidade de estar nesse cargo, porque se ele tivesse capacidade a estrada não estaria nesta situação precária. Estamos indignados”, desabafou a aluna.

Contradição
A Prefeitura de Taperoá através de sua assessoria de Comunicação, divulgou nas redes sociais a recuperação de mais de 140km de estradas, na lista de localidades o Rio Negro consta como recuperada.
O prefeito Rosival Lopes (DEM) não atendeu a ligação da redação de Livre para esclarecimentos.

Foto: Redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *