Valença: “…enviem ofício com assinatura do diretor e do profissional com DRT”, decreta assessor de comunicação da Prefeitura para ceder informações a imprensa

Um fato que tomou conta nas redes sociais na última sexta (23) foi o decreto oral informado pelo Assessor de Comunicação e Marketing da prefeitura de Valença, Ademilton Ferreira, que delimitou a informação para imprensa apenas a operadores da comunicação que enviem ofício com assinatura do diretor do meio de comunicação requerente, bem como, ‘assinatura do profissional com … Leia Mais


Ramiro Campelo: A verdade que você não conhecia

Ramiro foi libertado em Simões Filho, não no ES como divulgado anteriormente O sequestro do empresário Ramiro Campelo chegou ao fim no início da semana passada, e ainda assim continua-se investigações acerca do caso. Porém, uma novidade chegou a redação de Livre, após elevado número de contatos feitos pelo jornalista Wellingthon Anunpciação de que o … Leia Mais


Ramiro Campelo: Conheça a face dos suspeitos que foram presos com mais de U$450mil

A Polícia Civil da Bahia prendeu, nesta quarta-feira (14/2), em uma churrascaria no KM 19 da Rodovia Presidente Dutra, em Caçapava, São Paulo, quatro pessoas acusadas de participar do sequestro do ex-prefeito de Valença e empresário Ramiro José Campêlo de Queiroz, ocorrido no mês de janeiro. A operação também contou com informações da Superintendência de … Leia Mais



Valença: ‘Mãos à Obra’ do engano para moradores do Pitanguinha

 Projeto plagiado de outra prefeitura, o Mãos à Obra apresentado após a nomeação do radialista Ademilton Ferreira, que demonstrou objetivo de executar serviços de tapa buraco, poda de árvore, pintura, recolhimento de entulho, calçamentos de rua e melhoramento de espaços públicos, foi levado ao bairro do Pitanguinha, conforme matéria postada no sítio eletrônico oficial da … Leia Mais


Tumulto no fim do prazo para cadastramento biométrico do TRE-BA


O recadastramento biométrico nas cidades de Valença e Cairu esta dando o que falar. Com filas gigantes, a população, que deixou para última hora, reclama da quantidade de pessoas a serem atendidas.
“Começamos o recadastramento em junho e a procura foi pouca. As pessoas chegavam e já era atendida imediatamente e não tinha fila. Infelizmente a população deixou para a última hora, então era esperado que geraria esse tumulto”, comentou o presidente do TRE-BA, o desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano.
Eleitores de Valença e Cairu que irão fazer o cadastro biométrico devem ficar atentos: a coleta dos dados biométricos somente é realizada na central de atendimento da biometria, localizada no Foru Eleitoral (em Valença) e na Câmara de Vereadores de Cairu.
O eleitor que não comparecer terá seu título cancelado e ficará impedido de tomar posse em concursos públicos, matricular-se em instituições de ensino públicas, e poderá ter o CPF suspenso (e, com isso, suspensa sua participação em programas sociais do governo federal).

                                                   Em Cairu o tumulto foi garantido.

Confira os documentos necessários para fazer o recadastramento biométrico

– Documento oficial de identificação com foto (Ex.: original e cópia de RG, CNH, Carteira Profissional, Passaporte, Carteira de Reservista ou Certificado de Alistamento Militar);

– Comprovante de residência atual original e cópia (emitido há, no máximo, três meses), no nome do eleitor ou de um parente, devendo comprovar o parentesco;

– Documento comprobatório de alterações de dados pessoais, se houver (Ex.: original e cópia da certidão de casamento com homologação de separação, sentença judicial etc.);

– Se for tirar o 1º título eleitoral, necessita-se ainda da original e cópia do comprovante de quitação do serviço militar (para homens com idade entre 18 e 45 anos).

– A CNH (Carteira Nacional de Habilitação) não é válida como documento de identificação para o alistamento eleitoral (1º título de eleitor) por não conter nacionalidade/naturalidade, assim como o Passaporte, por não conter a filiação.

– O eleitor que tiver o título eleitoral anterior deve levá-lo na hora de fazer o recadastramento biométrico. Caso o tenha perdido não é necessário levar boletim de ocorrência.

– Antes de comparecer ao cartório, é necessário ao eleitor consultar a existência de débitos com a Justiça Eleitoral. Para isso, bastará acessar o site (www.tre-ba.jus.br). A pesquisa é feita, por meio do menu principal, seguindo o caminho: Eleitor > Débitos do eleitor. Caso exista débito, a multa deverá ser paga previamente. O comprovante de pagamento deverá ser apresentado no momento do atendimento.

 


Valença: Fumaça com toxinas são liberadas pela CVI e moradores se revoltam


Moradores da Avenida Marita Almeida, Travessa José Malta e Vila Operária, bairros localizados em Valença, denunciam a fumaça emanada pela Companhia Valença Industrial (CVI). Segundo os residentes a partir das 02hs da madrugada o sono se torna impossível. “Estamos aqui há anos, meu filho mora em outro bairro devido ao problema de asma, adquirido por causa desta situação”, informou um entrevistado que não quis se identificar.
Há relatos de registro hospitalar por causa da fumaça que tem incomodado vários bairros e inclusive já se dirige ao Centro da cidade.
A fotografia abaixo mostra o momento da aglomeração da fumaça com toxinas pelos bairros circunvizinhos a fábrica.

                                   A fumaça deixa nublada a orla do município.

Segundo problema
Mais uma denúncia dos moradores é acerca da estação de tratamento da indústria, que localizada na Travessa José Malta, emana mau cheiro e também libera fumaça durante todo o dia para os vizinhos. “Aqui eu tenho que suportar o barulho, tenho que suportar este cheiro horrível e quando reclamamos eles prometem resolver, mas só nos enganam”, informou Maria do Carmo, moradora do bairro.

Prefeitura se posiciona
Em diálogo com o jornalista Wellingthon Anunpciação, o secretário Marcelo Borges, do Meio Ambiente, informa que notificará a fábrica, mas ressalta que o licenciamento principal da CVI é ofertado por orgãos estaduais.


Valença:Suspeito de ser o terceiro criminoso do caso Raimundo Nascimento é capturado


A 5ª Coorpin, coordenadora da Polícia Civil da região, comandada pelo delegado José Raimundo Neri Pinto, conseguiu localizar e prender, na Feira Livre, João Cosme Santana dos Santos, o terceiro envolvido no latrocínio contra o agricultor Raimundo Pereira Nascimento, ocorrido no último dia 12, na Aldeia de São Fidelis, Gereba, zona rural do município de Valença.
Com a prisão, a Polícia Civil considera elucidado o crime que chocou a população valenciana. Além de Cosme, Misael da Conceição e Hércules da Silva Bispo, tiveram a prisão preventiva decretada e se encontram recolhidos no sistema prisional à disposição da justiça.

Entenda o caso 
Na última sexta, 18, o Setor de Investigação da Polícia Civil – 5ª Coorpin capturou Misael da Conceição e Hércules Bispo. Os indivíduos são acusados de promover no último dia 12, no Gereba, zona rural de Valença, o crime de latrocínio consumado contra o empresário Raimundo Nascimento.
Na mesma situação houve uma tentativa de homicídio contra o  agente penitenciário Ivan Santana.
O crime chocou a população de Valença e a Polícia Civil deu uma rápida resposta , prendendo os autores.Nas redes sociais a revolta após a exposição da face dos bandidos foi inevitável. “Vermes”, “Tiraram a vida de um inocente”, “Deus pesará a mão contra vocês”, e outras fortes declarações eram escritas.
Acredita-se que os capturados, que estão a disposição da justiça, poderão confessar o crime e serão encaminhados ao Conjunto Penal de Valença.

Entenda o crime
O agricultor e ex-professor de Educação Física, Raimundo Pereira, foi morto e outro homem foi baleado durante assalto na ladeira da Aldeia de São Fidélis, zona rural de Valença. De acordo com informações, Raimundo e um segurança identificado por Ivan estavam transportando cravo da índia em um caminhão modelo Ford, quando foram surpreendidos pelos assaltantes nesta sexta-feira (12).
Segundo a polícia, na ação criminosa, os assaltantes efetuaram disparos contra os dois e evadiram levando o veículo e documentos. Raimundo Pereira foi baleado na coxa, sendo atingida a veia femoral. O agricultor não resistiu aos ferimentos, indo a óbito.


Valença: Com desgastes na pasta, Daniel Reis assume a secretaria da Educação


                                   Daniel ao centro. Foto: Reprodução/Redes Sociais.

Sem motivos comentados nos bastidores, Cyntia Ferreira pediu exoneração do cargo de secretária da Educação do município, também sem nenhum pronunciamento oficial na página da prefeitura de Valença, o professor Daniel Reis, que ocupava a coordenação pedagógica, assumiu a função que comandarará o destino dos educandos e educadores.
O que mais foi questionado após a postagem do Diário Oficial (clique aqui), foi a dança das cadeiras realizada na pasta, fato que causou comentários na classe. “Todos que estavam continuam”, disse um professor que conferiu em primeira mão a nomeação.

Desgaste
Profissionais da educação do município tem usado as redes sociais para manifestarem repúdio a falta do pagamento do terço de férias da classe, alguns reclamam que o correto era pagar antes do período de descanso dos professores e servidores da área. Caberá ao novo secretário contornar a situação, já que os profissionais andam bastante revoltados pelo ocorrido.

Sem domínio financeiro
Daniel Reis, enfrentará o que secretários anteriores e de outras gestões enfrentaram: a falta de domínio sobre os fundos financeiros, pois quem coordena ainda os pagamentos e processos de empenho é a secretaria de Finanças, gerida por Fidélis Negrão.
Na última semana de forma bem sucinta, foi anunciado nas redes sociais que algumas mudanças de nível teriam sido realizadas pela prefeitura, mas datar a quantidade e a programação das demais mudanças de nível.


Valença: Empresário é sequestrado


Sem informações detalhadas, o empresário Ramiro Campelo de Queiroz, das Lojas Guaibim e Yamaha, foi sequestrado na manhã desta quinta, 18, segundo informações, Campelo foi abordado e retirado de seu veículo nas proximidades de sua residência.
O marca do veículo em que os criminosos se encontravam a bordo foi um HB-20, a placa não foi informada a imprensa.