Câmara de Cairu aprova Reda para o setor da saúde

A Câmara Municipal de Cairu abriu oficialmente, no último dia 3 de fevereiro, os trabalhos legislativos para este primeiro período da nova legislatura (2017/2020). O  presidente da Casa, vereador Abdon Abdala Ché (PR), reafirmou o compromisso de trabalhar para manter a harmonia e aprimorar ainda mais a relação com o Poder Executivo. Na pauta, projetos … Leia Mais


Brasília: Deputado Hildécio Meireles articula, e Ministro da Educação, Mendonça Filho, reúne-se com prefeitos e gestores da Educação do Baixo Sul

Dando continuidade a agenda da ‘comitiva Baixo Sul’, em Brasília, e conforme adquirido através de contato do deputado Hildécio Meireles (PMDB), com a presidência da República, na tarde desta quarta (08), ocorreu encontro dos prefeitos e gestores municipais de Educação com o Ministro, Mendonça Filho, da Educação. No encontro o deputado levantou um diagnóstico detalhado … Leia Mais


Capital: Posse do Defensor Público-Geral da Bahia tem presença do Governador Rui Costa

Clériston Cavalcante tomou posse no cargo de defensor público-geral da Bahia em sessão solene realizada nesta segunda-feira (6), no Auditório Jutahy Magalhães, na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Com a presença do governador Rui Costa, o evento foi acompanhado por autoridades e representantes das instituições do sistema … Leia Mais


Cairu: Cavalos ‘desfilam’ e assustam turistas na praia de Morro de São Paulo

Na tarde desta segunda (06), cavalos ‘desfilavam’ pela 3ª praia em Morro de São Paulo. Segundo presentes no local, cinco cavalos banhavam-se, corriam e assustavam turistas que estavam fazendo costumeiras caminhadas na paradisíaca ilha. Os perigos da situação ficaram por conta do comportamento dos quadrúpedes, que corriam, iam em direção aos banhistas e até crianças, … Leia Mais


Cairu: Carnaval aconteceu na Gamboa

O tradicional carnaval de Gamboa, distrito de Cairu, este ano aconteceu de 25 a 27 de fevereiro e reuniu visitantes, nativos e turistas na ilha cairuense que se torna a mais movimentada no período carnavalesco. Com atrações que colocaram o público pra dançar durante os dois dias de festa no tradicional campo, a festa teve … Leia Mais


Valença: Carnaval aconteceu em praia de Guaibim


8b935b46-7884-4f98-a035-5b2b168f5ef0
Rainha Daniele, Rei Momo Uririu e Moura.

O carnaval de Guaibim, que aconteceu entre os dias 25 e 27, recebeu turistas e visitantes que presenciaram espetáculos culturais, desfile de beleza e shows de bandas.
Logo na abertura do evento o desfile para escolha da Rainha e Princesas do carnaval coroou as jovens Daniele Cruz, Emanuele Matos e Paulinha Rosa respectivamente, que participaram de toda a comemoração momesca, comandada pelo Rei Momo Uririu, que recebeu as chaves das mãos do prefeito Ricardo Moura (PMDB).
“Vamos trabalhar para promover uma festa como o Guaibim merece. Precisamos valorizar nossa praia e impulsionar um turismo de qualidade. Toda a nossa equipe esteve trabalhando para proporcionar um carnaval de paz e alegrias para todos”, justificou Moura, que acompanhado da primeira dama protagonizou momentos com a comunidade no evento.
O arrastão iniciou com o som da banda Afro Reggae, formada por jovens e adolescentes valencianos, que encaminhou os foliões até a praia de Guaibinzinho, onde aconteceram os shows das 9 atrações, fracionadas nas três noites de festa.
No último dia de festa, a secretaria de Promoção Social realizou uma ‘levada’ para as crianças com o objetivo de conscientizar a população sobre o combate do trabalho infantil e exploração sexual de crianças e adolescentes.


Luiz Caldas parabeniza Governo do Estado por carnaval sem cordas


caldas3Uma multidão de foliões está atrás do trio sem cordas do cantor Luiz Caldas, que saiu no final da tarde desta terça-feira (28), concretizando a promessa dele de levar alegria para o Carnaval da Bahia. “Nós, artistas do Axé Music, somos multiplicadores da alegria, e é o que a gente vai fazer na avenida”, disse antes de entrar no circuito Campo Grande (Osmar).
Durante apresentação no Campo Grande, o cantor parabenizou e agradeceu o Governo do Estado, por meio da Bahiatursa, pelo investimento em trios sem cordas no Carnaval, segundo ele, uma ação fundamental para a manutenção da folia, não só de Salvador, mas de toda a Bahia. “Sem esse apoio, o folião pipoca não estaria nas ruas se divertindo tanto. Parabéns, Rui [Costa] por colaborar para fazer essa festa cada vez mais bonita, mais democrática”.
E não é apenas o folião que comemora a pipoca. Quem aproveita a festa para trabalhar e fazer um extra também aprova o desfile dos trios sem cordas, como a vendedora de bebidas Sheila de Souza. “Quando tem mais pipoca na rua, tem mais gente circulando nas calçadas, tem mais clientes. Estou comemorando junto com a pipoca porque ficou muito melhor agora, e gostando muito do movimento”. Ela trabalha nas imediações do Campo Grande desde quinta-feira (23).

Victor Chaves é acusado de agredir a esposa grávida


vl-1
Esposa alega que o cantor a jogou no chão e deu vários chutes.

O cantor Victor Chaves Zapala, dupla Victor e Leo, foi acusado pela mulher de agressão. Poliana Bagatini foi até uma delegacia da Polícia Civil por volta das 11h da manhã dessa sexta-feira (24) e encaminhada à Delegacia da Mulher de Belo Horizonte, em Minas Gerais. O delegado emitiu uma guia para a realização do exame de corpo de delito, mas Poliana não quis aguardar e foi embora do local.
De acordo com o boletim de ocorrênica, o músico de 41 anos jogou a mulher no chão e a agrediu com chutes algumas vezes. Após a confusão, um segurança do cantor e a irmã dele teriam impedido Poliana de deixar o local, mas uma vizinha ouviu os gritos e ajudou a mulher.
A Polícia Civil vai investigar Victor, que ainda não se manifestou sobre o assunto. Todas as partes envolvidas, incluindo novamente Poliana, serão ouvidas logo após o feriado de Carnaval, já que a delegacia funciona em esquema de plantão e só deve atender emergências no período.
O casal tem uma filha, Maria Vitória, de pouco mais de 1 de idade, e Poliana está grávida do segundo bebê. Eles anunciaram a gravidez há pouco mais de um mês. Atualmente, Victor é jurado do programa The Voice Kids, ao lado do irmão Leo.


Governo realiza pagamento das diárias de Carnaval aos policiais nesta quarta-feira


Já está disponível aos mais de 26 mil servidores estaduais baianos, que atuam na área de segurança pública, o pagamento das diárias relativas ao plantão de Carnaval. O montante investido, como parte das ações de valorização do funcionalismo estadual do Governo da Bahia, chega a quase R$ 27 milhões e atende servidores da Secretaria da Segurança Pública (SSP), Polícia Militar e Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento de Polícia Técnica (DPT) e Casa Militar.
No dia 9 de fevereiro, o governador Rui Costa anunciou em seu Facebook reajuste de 6,29% no valor das diárias dos plantões de Carnaval em 2017, com base na variação do Índice de Preços ao Consumidor Ampliado (IPCA) de 2016. Na mesma postagem, foi informado o encaminhamento de projeto de lei à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), que estabelece novos critérios para a concessão do Prêmio por Desempenho Policial (PDP). O projeto de lei foi entregue no dia 17 de fevereiro.
O pagamento dos proventos aos demais servidores estaduais será feito no dia 24 de fevereiro, antes dos festejos momescos. A tabela de pagamentos do funcionalismo foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) de 12 de janeiro.

Senado aprova Alexandre de Moraes para vaga de Teori no Supremo Tribunal Federal


alexandre-de-moraes
Foto: G1

O cenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (22), por 55 votos a 13, a indicação de Alexandre de Moraes para a vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Dos 81 senadores, 13 não votaram.
Com a aprovação, Moraes assumirá a cadeira deixada por Teori Zavascki, que morreu no mês passado após o avião em que ele viajava de São Paulo para Paraty (RJ) cair no litoral do RIo de Janeiro.
Agora o Senado enviará um comunicado ao presidente Michel Temer, que vai assinar a nomeação do novo ministro do STF. Depois disso, o tribunal tem 30 dias para marcar uma data para a cerimônia de posse de Moraes.
No início da tarde, o porta-voz da Presidência da República, Alexandre Parola, leu um pronunciamento no qual Temer diz ter recebido “com satisfação” a aprovação de Alexandre de Moraes.
“Moraes prestará contribuição relevante à realização da justiça no Brasil durante seu mandato no STF, pautado sempre pela mesma independência, imparcialidade e apego resoluto às disposições de nossa Constituição Federal que caracterizam sua trajetória pessoal”, afirmou o porta-voz.

A sessão
Como previsto pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), Moraes não enfrentou “nenhuma dificuldade” para ter o nome aprovado pelo plenário do Senado. A votação, prevista para iniciar às 11h, começou às 11h22. Quarenta e cinco minutos depois, às 12h07, o resultado foi anunciado.
Apesar da votação secreta, a líder do PT, Gleisi Hoffmann (PR), anunciou que a bancada do partido votaria contra a indicação de Moraes.
“Quero deixar o registro aqui de que lamentamos muito essa indicação. Embora concordemos que o processo de indicação ao Supremo é um processo político, não podemos concordar com o nível partidário, político, militante do indicado”, declarou a parlamentar.
O presidente do Senado, então, repreendeu a petista, lendo o artigo do regimento interno do Senado que diz que são vedadas, nesse tipo de votação, a declaração ou a justificação do voto.
Os senadores Cristovam Buarque (PPS-DF), Reguffe (sem partido-DF) e Hélio José (PMDB-DF) defenderam, durante a votação, mudanças no processo de escolhas de ministros do Supremo.
“Se nós tivéssemos um processo de escolha diferente, em que o Presidente não fosse a origem do nome, certamente, estaríamos evitando constrangimentos e suspeições que fazem com que o presidente da República termine se expondo”, argumentou Cristovam.
“Não posso considerar correto esse modelo, que pode até parecer justo, onde o presidente da República nomeia e o Senado sabatina e vota a indicação. Na prática, isso faz com que o indicado fique devendo favor para o presidente e também para muitos senadores”, expôs Reguffe.
O senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), líder do governo no Senado, relacionou a votação expressiva que Moraes recebeu ao perfil de Moraes que, na visão do tucano, é “adequada” à Suprema Corte. “É um homem com apego à Justiça, e às leis”.
Eduardo Braga (PMDB-AM), que foi relator da indicação de Moraes no Senado, atribuiu o resultado da votação ao desempenho de Moraes ao longo da sabatina na CCJ.
“Ele foi questionado várias vezes sobre a Lava Jato e se colocou sempre de forma independente […] A aprovação é mérito de Moraes que demonstrou conhecimento jurídico, uma vida ilibada, e demonstrou suas convicções com clareza”, disse.
Aécio Neves (PSDB-MG), presidente da sigla, declarou acreditar que Moraes, que foi filiado ao PSDB, não terá uma “atuação política” no Supremo. Ele disse ainda que, logo após a votação, ligou para o indicado para “parabenizá-lo”.
Na oposição, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), afirmou que a nomeação de Moraes no STF é uma tentativa do governo de “proteger e blindar sua base parlamentar que está sob investigação”.
“A dúvida que tenho é exatamente sobre a parcialidade. Ele (Moraes) externou posições políticas claramente vinculadas ao presidente da república”, disse.

Trajetória
Alexandre de Moraes é formado em direito pela Universidade de São Paulo (USP) e iniciou a carreira como promotor de Justiça do Ministério Público de São Paulo, em 1991, cargo que exerceu até 2002, quando foi nomeado secretário da Justiça e da Defesa da Cidadania do estado de São Paulo.
Até ser indicado pelo presidente Michel Temer para o Supremo, Moraes era o ministro da Justiça e enfrentava uma crise na segurança pública do país, com rebeliões e massacres em diversos presídios e paralisações de policiais em estados como Rio de Janeiro e Espírito Santo.
Moraes tem 48 anos e poderá ocupar uma cadeira no STF até completar 75. Assim que tomar posse na Suprema Corte, o agora ex-ministro da Justiça herdará de Teori Zavascki 7,5 mil processos – ele, porém, não será o relator da Lava Jato, isso porque Edson Fachin já foi sorteado; Moraes será o revisor dos processos.

Sabatina na CCJ
Antes de ter o nome aprovado pelo plenário do Senado, Alexandre de Moraes teve a indicação para o Supremo aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa, nesta terça (21).
Ainda como ministro licenciado da Justiça, ele foi submetido a uma sabatina que durou 11 horas e 40 minutos, na qual abordou diversos temas, entre os quais:
Acusação de plágio e envolvimento com o PCC: Alexandre de Moraes negou ter advogado para a facção criminosa e também negou ter plagiado a obra de um jurista espanhol;
Vazamento de delações: Moraes chamou de “criminosos” os vazamentos de delações premiadas e defendeu que a prática seja investigada porque pode “macular” a imagem das pessoas;
Diferenciação entre usuário e traficante: Moraes defendeu que haja uma lei que diferencie de forma “objetiva” os usuários dos traficantes de drogas;
Pena maior para jovem que cometer ato hediondo: Alexandre de Moraes defendeu que o adolescente que cometer ato infracional hediondo possa ficar até dez anos internado (o atual limite é de três anos);
Atuação no STF: O indicado por Temer declarou que irá atuar com “absoluta imparcialidade e independência” e sem “nenhuma vinculação político-partidária”.

Com informações do G1.